Loading...

terça-feira, 25 de janeiro de 2011

ANS

A ANS (Agência Nacional de Saúde Suplementar) vai colocar em consulta pública na próxima semana o texto de uma resolução que pretende limitar o tempo de espera para atendimento de clientes de planos de saúde em todo o país. De acordo com o presidente da agência, Maurício Ceschin, a ANS recebe muitas reclamações de usuários de planos relacionadas a demora no atendimento em hospitais, clínicas e consultórios. A agência enviou uma pesquisa para todas as cerca de mil empresas do setor no país, com questões relacionadas aos procedimentos de atendimento. Cerca de 850 responderam a pesquisa, que auxiliou na elaboração da proposta de resolução. A nova norma pretende garantir o acesso dos usuários aos serviços oferecidos e vai determinar o tempo de espera máximo para cada tipo de atendimento. "Para cada tipo de atendimento haverá um limite diferente. A medida irá garantir o acesso dos usuários de plano de saúde. Isso é o mínimo que a gente espera de um plano", afirmou Ceschin.
 
O prazo para cada procedimento --atendimento ao paciente, marcação de consulta, exame e procedimentos cirúrgicos-- será divulgado com a proposta de resolução. O texto ficará disponível para consulta por 30 dias, e, após o fim do prazo, a ANS vai reunir as contribuições recebidas e elaborar o texto final da resolução. De acordo com o presidente da agência, a intenção é de que a norma entre em vigor ainda no primeiro trimestre deste ano.
 
Fonte: Folha de São Paulo

Nenhum comentário:

Postar um comentário